quinta-feira, 2 de junho de 2011

Pelos ares...

Nas sinuosas rotas da miséria
o perfil sombrio da corrupção
devora o trabalho
as escravas noites
ainda labutam
nas fagulhas odiosas
da mentira política
o planalto aquece
as mps continuam
carbonizando os operários
de rotina
as garras de lobos ferozes
atormentam
dilaceram carnes
vão todas
pelos ares...

é...!

tudo pelos ares
provocando o nosso terror
de cada dia.
Mozart

Um comentário:

  1. Adorei o da Broadway também!!
    Vão ter que nos engolir!!!
    Bjs da Vivi

    ResponderExcluir